ConsagracaoHanri_052_GilmarRamos

No domingo pela manhã, dia 06 de Março de 2016, a Primeira Igreja Batista de Campo Grande se reuniu mais uma vez, como membros do Corpo de Cristo, para o Culto de Ordenação ao Ministério Pastoral do nosso querido irmão Hanri Pinheiro. Um culto com muito louvor e adoração ao Rei dos reis, pois a música sempre fez parte da vida e do seu ministério.

O prelúdio ficou por conta do Coro Integração, sob a regência do Ministro de Música da Igreja Batista em Campo Maior, irmão Obadias.

Com a leitura do tema: Pois Vivemos e Existimos Por Ele e Para Ele, o pastor Carlos Elias orou ao Senhor consagrando o culto para aquele que é o dono de todas as coisas. Após a leitura de Romanos 11:33-36 e o canto do hino 112CC, O Coro Integração, sob a regência do Maestro Mario Pinheiro, adorou ao Senhor com toda igreja através do hino Canção do Apocalipse.

O pastor Carlos Elias convocou toda igreja para a Leitura Bíblica Alternada com a participação do irmão Hanri Pinheiro. Novamente, sob a regência do maestro Obadias, o Coro de Adolescentes adorou a Deus com hino Oh, Happy Day (Hawkins), logo após, juntando-se ao grupo o Coro Integração adorou com o hino Todo Louvor (Smallwood).

No momento de dedicação de vidas e bens a Equipe de Louvor, sob a regência do Ministro de Música Dalton Pinheiro (tio do irmão Hanri), adorou mais uma vez com toda igreja com o hino Como Agradecer a Jesus? (422HCC Crouch). A oração foi feita pelo Diácono Dalton Oliveira. As crianças dos Amigos de Missões estiveram à frente para descerem e darem início ao Mês em Foco com ênfase para Missões.

O diácono Dalton aproveitou para lembrar que dia 08 de março comemora-se o Dia Internacional da Mulher e que no segundo domingo do mês de março também é comemorado o Dia da Esposa do Pastor.
Dando início ao Ato de Ordenação Ministerial, o pastor Carlos Elias fez um resumo da trajetória acadêmica do irmão Hanri, sua vida como missionário, músico e servo de Deus.

Com os seus familiares convocados a estarem a frente, o pastor Carlos Elias orou ao Senhor em gratidão e súplica pela vida do candidato.

Após a apresentação de alguns visitantes ilustres, parentes e amigos do irmão Hanri, o pastor Marcos Ramos, relator da concilio de avaliação, fez a leitura da Ata de Aprovação para a consagração ao ministério pastoral do candidato Hanri.

Para o Ato de Ordenação ao Ministério Pastoral, o pastor Carlos convoca a todos os pastores presentes e aos diáconos da PIBCG para estarem a frente para a oração consagratoria feita pelo Ministro de Evagelismo e Missões, pastor Helber Costa Macharetti.

O Coro de Jovens e Adolescentes, sob a regência do agora Pastor Hanri Pinheiro, adorou a Deus com o hino Eu Tenho Um Chamado.

Para a Entrega da Bíblia, foi convocado o Pastor Maurício Jaccoud que, após a leitura do texto que está em 1Co 4.1 e 2 declarou: “Deus te chama para que você seja fiel!”

A mensagem da Palvra de Deus foi ministrada pelo pastor Carlos Elias sob o tema: “O Chamado de Deus”, baseado o texto que está em Jonas 3.1-4.

Deus chama quem Ele quer, e como Ele quer. O chamado de Deus é insistente. Deus insistiu com Jonas, até que ele obedeceu e foi até Ninive. O chamado de Deus é pessoal. Cada profeta na Bíblia foi tratado pelo nome, pois as relações com Deus são apresentadas de forma pessoal e não coletiva. O chamado de Deus é específico. Deus foi claro no objetivo dele para com Jonas. Uma mensagem específica, para um projeto definido por Deus.
Encerrando a mensagem o pastor Carlos afirma: “Você foi chamado para fazer a diferença!”
Após a mensagem a equipe de louvor adorou a Deus com hino Eu tenho um Chamado (Quatro por um).

Representado o Ministério de Diáconos da PIBCG, o irmão Gilberto e esposa estiveram à frente para entregar uma pequena lembrança para os casais Hanri e Raquel e também para o pastor Édison e esposa.

Ao final do culto, o pastor Hanri Pinheiro agradeceu a Deus e a todos os que contribuíram para que ele chegasse até este momento tão especial em sua vida e ministério. Orou a Senhor é impetrou a bênção apostólica .

Texto: Diácono Newton Cezar.

Compartilhe: