Culto missionário do mês de Missões Nacionais 

Culto Missionário Vespertino

Explorando o tema: Multiplicando o Amor de Deus Através de Uma Vida de Adoração ao Senhor Jesus! e dando continuidade o Mês de Missões Nacionais, o culto da noite do dia 11 de Setembro de 2016, teve seu início com a Chamada à Adoração com a Orquestra da PIBCG.

O pastor Elber Macharetti fez com toda a igreja a leitura do Tema e Divisa da Campanha de Missões Mundiais 2016. Tema da Campanha: É Tempo de Avançar Multiplicando o Amor de Deus. Divisa: “Levantemo-nos e edifiquemos! E fortaleceram as mãos para a boa obra!” (Neemias 2.18)

O Momento Missionário desta semana foi com o missionários Rogério Fonseca, Ingrid e família que deram um breve testemunho e ao final cantaram um belo cântico ao som do violão tocado pela filha do meio Giulia. Momento que antecedeu a Dedicação de Vidas e Bens ao som do hino Lamparina das Nações (Hino de Missões Nacionais 2012/Banda Lumiar). Em seguida foi feita uma oração de Consagração e a saída das Crianças para o culto infantil.

A Mensagem Musical foi feita pelo Coro de Câmara que, sob a regência do MM Leônidas Barbosa, adoraram a Deus com o hinos: Quero Louvar-Te e Santo, Santo é o Senhor. No Momento de Intercessão, o Pr. Adiel de Assis Gomes relatou os motivos de oração e levantou um clamor pelos necessitados que estiveram à frente entregando suas petições no altar do Senhor.

A Mensagem da Palavra de Deus foi ministrada pelo Pr. Carlos Elias de Souza Santos conforme está escrito em Hebreus 1.1-4 com o tema A Suficiente Palavra de Deus. Vivemos um tempo em que a nossa geração não se satisfaz mais no estudo da Palavra de Deus. Não há como negar que as soluções dos problemas do crente são encontrados na leitura da Bíblia. A doutrina da suficiência das escrituras sagradas são divididos em 4 pontos:

1) A escritura é suficiente em si mesmo e não precisa de nenhum outro escrito para justificá-la.
2) A Bíblia é clara por si só é pode ser entendida por qualquer pessoa. Basta o ES revelar que será entendida.
3) A Bíblia é autoridade maior e é uma necessidade para todos.
4) A mensagem da Cruz é a revelação do amor de Deus para com a humanidade.

Conforme está em 2Tim 3.16 “Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça,”. Muitos estão procurando novas revelações e caindo em mentiras, esquecendo que a Bíblia é suficiente para nós. O que nela está escrito é terminantemente suficiente para nós. Deus falou no passado muitas vezes, de muitas formas e de muitas maneiras. Ele sempre desejou falar com o homem. Nesses últimos dias Ele nos falou por Jesus. O mundo corre atrás de ideias e novas revelações para satisfazer sua insegurança. Em Cristo tudo está consumado. Não existe outro nome, acima do nome de Jesus, para suprir as nossas necessidades. Toda escritura aponta para Cristo. Em Cristo está toda suficiência do Evangelho. Não podemos deixar que outra mensagem seja pregada, pois somente a Palavra de Deus é a verdade.

Deus fala com o seu povo ainda hoje. Ele se revela através da sua Palavra. Usa situações do nosso dia para revelar a Sua vontade.

Concluindo a mensagem, com uma oração e a bênção apostólica o pastor Carlos Elias lança o desafio de sermos bênçãos para este mundo, por onde quer que passarmos.
Ao final do culto toda igreja louvou a Deus com o hino Lamparina da Nação. Como prelúdio, a orquestra apresentou o último hino instrumental da noite.

Texto: Diácono Newton Cezar

Compartilhe: