O culto da noite do dia 21 de agosto teve início com a leitura bíblica uníssona: Hb 11. 1 e 2 e 6, Jr. 29.13 e 14a e Ef. 3.20 e 21. Logo em seguida, a chamada a adoração foi conduzida pela ministra de música, Angélica Miranda, juntamente com a Equipe de Louvor que na ocasião, entoaram os hinos: “Ele é exaltado” (Campos), “Águas Purificadoras” (Bessa).

O culto contou também com a mensagem musical da irmã Isabele Trillo com a música: “Antes você precisa crer – Laura Moreno”. Juntamente com a congregação, o Pastor Carlos Elias fez a leitura bíblica em: Sl. 138.1,2,3,5,7a 46.1 e 2 138.7. Após, ao som da música “Eu me rendo” (Renascer Praise), foi momento intercessão, tempo de entregar tudo a Deus em oração.

Ao som da canção: “Pai nosso”, os presentes puderam dedicar seus bens e vidas; e tiveram a oportunidade de ouvir um pouco sobre os resultados obtidos pela Escola Bíblica de Férias (EBF), que aconteceu no dia 20 de agosto, com o tema: “Forte no Senhor”. A oração pelas ofertas e pelas crianças de nossa igreja foi feita pelo diácono João Marcos.

A mensagem especial foi entregue pelo Evangelista, Terry Veazey. Um homem de Deus que gasta seu tempo para pregar nos eventos esportivos ao redor do mundo: “Sou dos estados Unidos, do Alabama. Eu vim com uma equipe de Capelães Internacionais do Esporte para compartilhar sobre Jesus Cristo. Nos Jogos Olímpicos aqui do Rio, compartilhamos com mais de 20 mil pessoas e centenas delas abriram seu coração”.

Continuou: “A evangelização é um trabalho árduo, por isso muita gente não faz! Cada um deve compartilhar sua fé com os perdidos. Todos nós devemos fazer nossa parte se não o mundo não será alcançado. Deus está fazendo grandes coisas aqui. E você está disponível para que Deus te use?”, enfatizou.

Segundo Terry, está na hora de dizermos: Eis-me aqui. Esta foi a palavra que Moisés usou na sarça, foi a palavra que Isaías falou quando Deus o perguntou e a palavra que Abraão respondeu. “Nessa noite pense nessa palavra:eis-me aqui. Peça a Deus que preencha o teu ser com o teu espírito e te use”.

Segundo ele tem quatro que nos atrapalham de estar disponíveis:

1) Pecado – pois é difícil Deus te usar abrigando pecados;
2) Falta de oração – Precisamos ser pessoas que buscam a direção Dele;
3) Preguiça – O ministério é trabalho duro. Para ser usado esteja disposto a trabalhar, Deus vai te dar força;
4) Falta de perdão – isso mostra que somos pessoas egoístas.

Finalizou: “Que nada na minha vida atrapalhe meu relacionamento com Ele. Eu vou buscar Deus primeiro. Antes de qualquer coisa ou de qualquer tradição, somos seguidores de Cristo. Deus está movendo corações, e você está disposto a ser testemunha Dele? “.

Oração e bênção final foram feitas pelo Pastor Carlos Elias.

Texto: Aline Ferreira

Compartilhe: