Culto Dominical

Foi numa manhã quente e ensolarada que os membros e amigos da Primeira Igreja Batista de Campo Grande se reuniram para juntos adorarem ao Senhor. Como prelúdio instrumental, a irmã Carol Santa Rosa fez um lindo solo de Violino, acompanhada pela Ministra de Música Angelica Miranda ao Piano. Dando continuidade ao mês de campanha Missionária da Junta de Missões Nacionais, após o recitativo bíblico toda a igreja entoou os hinos 462 e 193 do HCC (Hinário para Culto Cristão). O pastor Carlos Elias deu a palavra ao pastor Joacyr Magioli missionário plantador de igrejas e diretor executivo do Ministério Pão Vivo em Porto Alegre, que apresentou os projetos sociais e evangelísticos da região.
O pastor Elber Macharetti informou que toda oferta destinada no “Real Missionário” deste domingo será destinada ao projeto que tem para melhores informações o site http://www.ministeriopaovivo.com.br.  A participação Musical ficou por conta do Coro Viver e Vencer, coro do Ministério da Terceira Idade que apresentou dois belos hinos. Logo após o Coro das Mãos do Ministério com Surdos da PIBCGRJ apresentou uma encenação musical em prol do Brasil. A irmã Elisângela Horts de Souza, líder do ministério, pediu orações pelos surdos e pelo dia 26/09 quando será comemorado o Dia nacional do Surdo e pelos direitos dos surdos no Brasil.
pibcultoNo momento de dedicações de bens e vidas a equipe de Louvor entoou o hino da Campanha de Missões Nacionais de 2015 e a diaconisa irmã Nadir orou entregando ao Senhor a vidas de todos. A mensagem da palavra de Deus, conforme está em 2 Co 5.14-21, foi entregue pelo Missionário Pastor Cláudio Antonio Barreto. Capelão Prisional. “A mensagem de Cristo é mais importante que qualquer situação ocasional. Jesus veio para a salvação e reconciliação de todos: livres, presos, oprimidos, santos e pecadores”, afirma. Ele O pastor Cláudio apresentou alguns ex-presidiários que hoje são empresários, empregados e principalmente servos do Senhor Jesus como testemunho do que Cristo pode fazer pela vida daquele que se submete a Cristo. Ao final da irmã Adenice Barreto Batista, missionária e mãe do pastor Claudio, apresentou um breve relatório das atividades missionárias da Associação Luz da Libertade entre os presidiários e seus familiares, conforme está no site http://www.luzdaliberdade.com/. No encerramento do culto foi cantado o hino Nada Além do Sangue (Gerônino/Fernandinho). Com uma oração e a benção apostólica empregada pelo pastor Carlos Elias o culto de encerrou com a apresentação de um vídeo.

Compartilhe: