Quando Adoramos, Deus Nos Fala

No estranho mundo, o nosso, de gritos para convencer, há uma alternativa, estranha à nossa própria natureza.

A alternativa é adorar a Deus.

O verbo tem vários sinônimos: parar a si mesmo, prostrar-se diante de Deus, calar-se diante do Mistério, ouvir a Voz, balbuciar afetos de admiração, cantar louvores para agradecer, negar-se a si mesmo para afirmar o Outro, meditar na Palavra escrita, olhar para o que não se pode ver, humilhar-se por não saber.

Adorar a Deus é ouvir Deus falar.

Quando ficamos diante de Deus, Ele fala conosco. A adoração nos capacita para a vida. Portanto, a adoração a Deus é didática. 

Seja em particular, seja no culto público, devemos nos perguntar: O que Deus nos falou hoje? Pode ser pela mensagem, pela música, pela voz silenciosa no coração. O que importa é se Ele falou.

Na adoração Deus fala conosco. E o que nos fala? 

Adoração dá ânimo à vida. Você anda com medo? Adore a Deus. Você anda desanimado? Deixe Deus falar ao seu coração enquanto presta culto a Ele, em casa ou no templo. Você contempla a Deus, mas Ele não está mudo.

Fonte: Prazer da Palavra